quinta-feira, 20 de junho de 2024

Bom Jesus das Selvas: Operação da Polícia Civil e militar efetuou prisões de três homens suspeitos de tráfico de drogas.

Nessa quinta-feira (20), as Polícias Militar e Cívil em Bom Jesus das Selvas, em operação conjunta, efetuaram a prisão em flagrante de três pessoas em virtude do crime de tráfico de drogas e posse de arma de fogo e munição de uso  restrito. 
Os envolvidos são A.L. da C.M., L.O.V. e L.P.C. de A., conhecidos como Lauro do Evento, Lucas e Luciano. 
Cumprimos mandado de busca e apreensão expedido pelo Dr Flávio Gurgel, juiz titular da 1ª Vara da comarca de Buriticupu.
Segundo o delegado Dr Francildo Correia, foram encontrados 88 papelotes de maconha, pesando mais de 1kg de droga, ainda de acordo com Dr Francildo, também foi encontrada uma pistola 9mm, de uso restrito, e 47 munições de 9mm,  além de 6.600 embalagens de drogas.
"Os ergastulados serão encaminhados ao sistema prisional e ficarão à disposição da Justiça". Disse o delegado.

SUSPEITO DE COMETER HOMICÍDIO EM BURITICUPU É PRESO PELA POLÍCIA CIVIL

POR: ASCOMPC/MA

Na última quarta-feira(19), a Polícia Civil, por intermédio da 23ª Delegacia Regional de Buriticupu, deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva contra um homem investigado de cometer um homicídio ocorrido no dia 29 de maio deste ano. A motivação do crime teria sido a disputa de território entre facções criminosas.

Conforme as investigações, o preso, com auxílio de um adolescente, teria efetuado vários disparos de arma de fogo contra a vítima dentro de uma residência.

Após o crime, a Polícia Civil iniciou a investigação que de imediato conseguiu identificar o autor do crime, tendo representado por sua prisão junto ao Poder Judiciário, que atendeu à solicitação.

Na quinta, policiais civis da Delegacia Regional de Buriticupu, com apoio da Delegacia de Polícia de Bom Jesus das Selvas conseguiram localizar e cumprir a ordem judicial. O investigado foi encaminhado ao sistema prisional e as investigações prosseguirão para completa elucidação dos fatos.

quarta-feira, 19 de junho de 2024

Feira do Empreendedor vai contribuir para redução de gases de efeito estufa.

Evento firma parceria com startup maranhense para medidas compensatórias, impulsionando o debate e a conscientização global sobre as mudanças climáticas.
Atento à questão da sustentabilidade, o Sebrae estabeleceu mais uma parceria estratégica com a startup maranhense Compensei para transformar a Feira do Empreendedor 2024 em um evento carbono neutro. A feira vai ocorrer em Balsas, de 27 a 30 de junho. A iniciativa está alinhada com as ações de sustentabilidade que fazem parte da estratégia ESG que, juntamente com a Inovação e as Conexões Corporativas, compõem os três eixos temáticos do evento.
A Feira do Empreendedor 2024 é uma iniciativa do Sebrae Maranhão, que tem como patrocinadores o Governo do Estado, Prefeitura de Balsas, Ceape, Vale e SENAR, e como apoiadores a FIEMA (Sesi e Senai), Banco do Brasil e Mix Mateus.
De acordo com Vilena Silva, CEO da Compensei, os eventos desse tipo têm como objetivo compensar todas as emissões de gases de efeito estufa (GEE) geradas, por meio de ações que as removam ou evitem na mesma proporção da sua geração. Esse processo envolve três etapas fundamentais: medição, redução e compensação efetiva.
"Para medir, calculamos todas as emissões associadas ao evento, desde o transporte de materiais e pessoas até o consumo de energia e a geração de resíduos. E, a partir daí, adotamos ações para reduzir essas emissões ao máximo e, na última etapa, compensamos as emissões restantes investindo em projetos de sequestro de carbono, como reflorestamento ou energias renováveis, entre outros, garantindo que o impacto do evento seja neutralizado", explicou ela.

 
Durante a Feira, a Compensei implementará diversas iniciativas, como a elaboração de um inventário minucioso das emissões de gases de efeito estufa (GEE), abrangendo todas as atividades antes, durante e após o evento; medidas para diminuir as emissões, incluindo o uso de materiais biodegradáveis, gestão eficaz de resíduos, estímulo à prática de carona solidária e campanhas educativas para conscientização dos participantes.
Despertar Sustentável


Segundo a empreendedora, é essencial que as empresas considerem opções de descarbonização em suas rotinas diárias e em seus eventos. "A única forma de evitar catástrofes ambientais, como a do Rio Grande do Sul, é reduzindo as emissões de Gases de Efeito Estufa", frisa. Além disso, "empresas que adotam práticas sustentáveis demonstram responsabilidade socioambiental, o que pode melhorar sua reputação e fortalecer a relação com clientes e parceiros, o que pode ser um excelente diferencial competitivo", argumenta ela.

Por meio do programa de aceleração de startups do Sebrae, o Inova Amazônia, a Compensei está atualmente em um momento de crescimento e expansão, fortalecendo sua presença no mercado. Esse progresso é sustentado por investimentos contínuos em novas tecnologias e metodologias voltadas ao aprimoramento das soluções de descarbonização. Além disso, a empresa busca parcerias estratégicas que permitam ampliar ainda mais seu impacto positivo.

Recentemente, a Compensei conquistou um contrato para realizar a descarbonização da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul, ampliando sua atuação para oito estados brasileiros. A empresa destaca que sua jornada é caracterizada por parcerias estratégicas e um compromisso constante com a sustentabilidade.

"É gratificante ver a empresa crescendo e alçando novos voos. Um negócio com perfil inovador, ocupando espaços cada vez mais destacados e crescendo com qualidade, com compromisso social e visão empreendedora", enfatiza Mauro Borralho, diretor técnico do Sebrae no Maranhão.
Inscrições — Para ter acesso à Feira do empreendedor 2024, visitantes e expositores devem se inscrever no site do evento: feiradoempreendedor.sebraema.com. Nos dias de realização da Feira, o público inscrito deve procurar o setor de Credenciamento do evento, para retirada do crachá. Lembrando que não serão disponibilizadas inscrições antecipadas para as atividades da programação de conhecimento. A participação será garantida por ordem de chegada.
terça-feira, 18 de junho de 2024

BURITICUPU: NOTA DE REPÚDIO, OAB

A Ordem dos Advogados do Brasil, Subseção Buriticupu, por meio da Comissão da Mulher e da Advogada, vem a público repudiar todo tipo de violência praticada contra as mulheres e se solidarizar com a jovem Clarisse Pereira da Silva, vítima de violência moral e física praticada pelo seu namorado, o vereador Alberth Sullyvan Silva Moreira, no último final de semana.

É imensurável e inaceitável a violência moral e física em que a mulher foi submetida. A ação reflete que a sociedade ainda tem muito a caminhar para garantia plena dos direitos das mulheres. A violência contra a mulher está, sim, enraizada na cultura brasileira, que banaliza as agressões e, não raro, atribui a culpa à própria vítima.

Uma cultura que o sistema OAB, da qual faz parte a Seccional Maranhense, tem trabalhado para descontruir, e fortalecer o conceito de sororidade, ação fortemente presente no feminismo, sendo definido como um aspecto de dimensão ética, política e prática deste movimento de igualdade entre os gêneros.

A Seccional Maranhense, assim como tem feito em episódios envolvendo casos de violência contra a mulher e desrespeito aos direitos e princípios fundamentais dos cidadãos e advogados e advogadas, tem se posicionado, tomado todas as providências cabíveis e acompanhado às investigações e desdobramentos de todos os casos.

Buriticupu(MA), 17 de junho de 2024.

Comissão da Mulher e da Advogada da OAB/MA

Confira três franquias maranhenses para começar a empreender

Tem medo de começar um negócio do zero? Modelos de negócio testados podem ser uma boa opção
Por meio de uma franquia, é possível dar os primeiros ou novos passos no empreendedorismo investindo em modelo de negócio testado e aprovado pelo franqueador. Apesar de os desafios de se tornar um franqueado serem semelhantes aos de iniciar um negócio do zero, uma franquia fornece suporte e treinamento, costuma ter implementação mais facilitada, tem processos e sistemas já estabelecidos pelo franqueador, além de apresentar menor risco, afirma o gerente da Unidade de Mercado do Sebrae no Maranhão, Dênio Carneiro.

Ainda de acordo com o gerente, a franquia é indicada para empreendedores iniciantes e também para os mais experientes. "Tanto o modelo de franquia quanto o modelo de negócio próprio requerem do empresário habilidades, atitudes empreendedoras e conhecimento de gestão de negócio. É fundamental que o futuro franqueado não se deixe levar pela emoção e estude todos os pontos importantes, pesquise a fundo o segmento no qual pretende investir, mapeie a concorrência e busque auxílio jurídico antes da assinatura do contrato", orienta Dênio Carneiro.

Ambos os perfis de empreendedor podem aprender mais sobre esse modelo e adquirir outros conhecimentos fundamentais para administrar um negócio em cursos online gratuitos oferecidos pelo Sebrae na plataforma da instituição: sebrae.com.br/cursosonline. Por meio do programa Sebraetec, a instituição ainda oferece consultorias subsidiadas sobre modelagem de empresas franqueadoras, formatação de franquias e elaboração do manual técnico operacional do franqueador.

Outra forma de o empreendedor adentrar no mundo do franchising é participar de eventos como a 11ª edição da Feira do Empreendedor, que será realizada de 27 a 30 de junho pelo Sebrae Maranhão no município de Balsas. A Feira vai contar com uma vasta programação de conhecimento voltada a quem já empreende ou pretende abrir um negócio. A entrada é gratuita mediante inscrição prévia feita pelo site. Também haverá em torno de 70 estandes de instituições expositoras, cinco delas franquias maranhenses. Conheça algumas delas abaixo:

Vitta Job

A Vitta Job é uma franquia de medicina ocupacional e segurança do trabalho presente no Maranhão e no Pará. Adotou o modelo de franchising em 2020, com o apoio do Sebrae, e já conta com dez operações nas cidades de São Luís, Santa Inês, Pinheiro, Barcarena e Ananindeua, sendo seis unidades próprias e quatro franqueadas. Possui quatro modelos de negócio: consultoria, clínica, postos e conversão de bandeira.

● Investimento inicial: entre R$ 50 mil e R$ 250 mil, a depender do modelo escolhido, e inclui treinamento, softwares, taxa de franquia e suporte em todas as etapas
● Faturamento médio mensal da franqueada: entre R$ 30 mil e R$ 180 mil, a depender do modelo de negócio
● Prazo de retorno do investimento: entre 6 e 18 meses, a depender do modelo escolhido
Açaí Sunset

A Açaí Sunset é uma marca de açaiteria criada em 2017 que formatou o modelo de franquia em 2021 via Sebraetec. Detém 19 lojas: 16 em São Luís e 3 em Teresina, no Piauí. Desse total, 10 são unidades próprias e 9 são franqueadas.

● Investimento inicial: a partir de R$ 120 mil (inclui taxa de franquia, estoque inicial e valor estimado destinado à reforma do imóvel e aquisição de maquinário)
● Faturamento médio mensal da franqueada: R$ 50 mil, com lucratividade média de 20%
● Prazo de retorno do investimento: entre 18 e 24 meses
Dr. Exercício

A Dr. Exercício é uma franquia de academia com treino individualizado e metodologia própria com cinco operações na capital São Luís: uma própria e quatro franqueadas. A empresa iniciou em 2015 e aderiu ao modelo de franchising em 2022. O empreendimento planeja expandir a marca para outras cidades do estado.

● Investimento inicial: R$ 300 mil (infraestrutura, equipamentos e materiais de consumo para a abertura) + R$ 30 mil de taxa de franquia (válida por cinco anos)
● Faturamento médio mensal da franqueada: R$ 50 mil
● Prazo de retorno do investimento: entre 18 e 21 meses

Câmara de vereadores se manifesta sobre caso de agressão envolvendo vereador


Em nota divulgada nesta segunda-feira (17), o presidente da Câmara de Vereadores de Buriticupu, José Alves Pereira (Peixoto), repúdia o comportamento do seu colega de parlamento e pede uma apuração rigorosa do caso.

VEJA A ÍNTEGRA DA NOTA

A Câmara Municipal de Buriticupu/MA, por meio de seu Presidente, José Alves Pereira, vem a público manifestar seu mais veemente repúdio ao ato de violência envolvendo o vereador Alberth Sullyvan, acusado de agredir sua namorada. Este comportamento é inadmissível e incompatível com os valores que esta Casa Legislativa defende.

O Poder Legislativo de Buriticupu reafirma seu compromisso com o combate à violência contra a mulher, em consonância com as disposições da Lei Maria da Penha. A violência de gênero é uma questão grave que precisa ser extirpada de nossa sociedade, e nenhum tipo de agressão pode ser tolerado, especialmente por aqueles que devem servir de exemplo à comunidade.

Acompanharemos de perto o trâmite processual, garantindo a transparência e a justiça de todo o procedimento, sendo que serão adotadas todas as medidas legais cabíveis para a apuração rigorosa dos fatos, como determina o artigo 38, §2º, da Lei Orgânica do Município.

A Câmara Municipal de Buriticupu não se furtará de suas responsabilidades e tomará todas as providências necessárias para que a justiça seja feita, mantendo sempre o respeito à ampla defesa e ao contraditório.

Por fim, reiteramos nosso compromisso com a promoção de uma sociedade mais justa, igualitária e segura para todos, especialmente para as mulheres, que devem ser respeitadas e protegidas em todos os ambientes.

Buriticupu/MA, 17 de junho de 2024.

José Alves Pereira
Presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Buriticupu/MA
segunda-feira, 17 de junho de 2024

Inovação, ESG e Conexões Corporativas são pilares da Feira do Empreendedor 2024

Eixos estratégicos impulsionam oportunidades e crescimento no Cerrado Sul maranhense
 
De 27 a 30 de junho, o Ginásio de Esportes Rei Pelé, em Balsas, se transformará em um centro de inovação e desenvolvimento empresarial, com a 11ª Feira do Empreendedor. O evento, guiado pelos eixos de Sustentabilidade, Inovação e Conexões Corporativas, visa atrair cerca de 12 mil visitantes, refletindo a estratégia do Sebrae de descentralização e crescimento.
 
 
Sustentabilidade em foco
 
A sustentabilidade será um dos pilares da Feira do Empreendedor 2024. Tayla Trindade, da Duna Beleza Natural, destaca a crescente demanda por produtos ecológicos, "É um potencial para fidelizar consumidores conscientes e fortalecer parcerias locais." A Duna promove a economia circular e a regeneração de florestas em colaboração com a Comunidade Indígena Arariboia.
 
Para Tayla Trindade, a participação em feiras e exposições são sempre momentos positivos  que proporcionam oportunidades para atrair investidores interessados no diferencial do empreendimento. “Além disso, promovem o networking com líderes do setor, especialistas e influenciadores, ampliando nosso conhecimento e fortalecendo nossa posição no mercado”, analisa ela que, recentemente, esteve na Agrobalsas mostrando todo o potencial da Duna.
 
ESG
 
A Feira do Empreendedor 2024 contará com uma Arena ESG dedicada à discussão de temas como diversidade, inclusão, gestão de resíduos, energias renováveis e economia circular. O evento também enfatizará a sustentabilidade, através da adoção de práticas como a neutralidade de carbono e a minimização do uso de papel, optando por sinalizações digitais para reduzir resíduos.
 
"É importante informar que todo evento segue o tema da sustentabilidade. Vamos realizar uma feira Carbono Neutro, tendo todo o cuidado com a estratégia de recolhimento dos resíduos produzidos", destacou Cristiane Corrêa, gerente da Unidade de Gestão Estratégica do Sebrae no Maranhão.
Inovação
 
O eixo de Inovação será outro destaque da Feira do Empreendedor 2024. O Sebrae apresentará um portfólio de soluções inovadoras, incluindo os programas Sebraetec e Agentes Locais de Inovação. Durante o evento, será realizada uma Jornada de Inovação onde equipes desenvolverão startups, buscando soluções tecnológicas para atender às demandas locais, em colaboração com parceiros e curadores do ecossistema e apoio do setor público.
 
“Nós vamos incentivar equipes a procurarem soluções que atendam às necessidades apresentadas pela comunidade empresarial de Balsas e região, com parceiros e curadores do Ecossistema Local de Inovação”, pontuou César Guimarães, gerente da Unidade de Inovação e Tecnologia do Sebrae no Maranhão.
Conexões Corporativas
 
Já o espaço de Conexões Corporativas facilitará o relacionamento entre pequenos negócios e grandes empresas do Maranhão, expandindo oportunidades e melhorando a competitividade no mercado. A programação incluirá temas como neoindustrialização e energias renováveis, incentivando os empreendedores a explorar novas tecnologias e oportunidades de mercado nessas áreas.
 
“O espaço de Conexões Corporativas privilegia o relacionamento, aproximação e interação entre pequenos e grandes negócios, fundamentalmente de aproximação entre empresários”, explicou José Noleto Oliveira, gerente de Competitividade do Sebrae no Maranhão.
 
Impacto da Feira

“Os eixos temáticos de Inovação, ESG e Conexões Corporativas são pilares estratégicos que definem a direção e o impacto que a Feira do Empreendedor deve gerar para Balsas e região. Eles resumem linhas de prioridades na atuação do Sebrae, sendo uma forma de concepção do evento, que vai nos garantir que a Feira produza um legado duradouro para Balsas e para a região do Cerrado Sul maranhense no que se refere ao fortalecimento do empreendedorismo e nas perspectivas de desenvolvimento em uma região dinâmica e promissora"”, concluiu Mauro Borralho, diretor Técnico do Sebrae no Maranhão.
 
O diretor Superintendente, Albertino Leal, destacou que a escolha de Balsas para sediar o evento deve-se ao exponencial crescimento que a cidade tem registrado a partir da chegada de novos empreendimentos. Atualmente, o município tem o terceiro maior Produto Interno Bruto (PIB) do Maranhão. “Esse é um ótimo momento na cidade, além da elevação do PIB, tem-se registrado diminuição na taxa de desemprego. Então, precisamos qualificar ainda mais esses negócios, para desenvolver mais a região. Já temos uma boa parceria, por meio do Cidade Empreendedora, além de outras ações como o Programa LIDER”, ressaltou.
 
Muito mais
 
A Feira do Empreendedor 2024 oferecerá uma ampla programação de palestras, workshops, oficinas, rodadas de negócios e networking. O evento também contará com uma área de exposição com produtos e serviços de empresas de diversos setores.
Realização — A Feira do Empreendedor 2024 é uma iniciativa do Sebrae Maranhão, que tem como patrocinadores já confirmados o Governo do Estado, Prefeitura de Balsas, Ceape, Vale e Senar, e como apoiadores a Fiema, (Sesi e Senai), Banco do Brasil e Mix Mateus.
 
Inscrições — Para ser um expositor na Feira do Empreendedor 2024 ou mesmo para visitar os espaços e participar da programação de conhecimento, é necessário realizar inscrição no site do evento: feiradoempreendedor.sebraema.com.

HOMEM É PRESO EM FLAGRANTE PELA POLÍCIA CIVIL POR LESÃO CORPORAL PRATICADA CONTRA A NAMORADA EM BURITICUPU

No último domingo(16), uma equipe da Polícia Civil de Buriticupu conseguiu, na cidade de Buriticupu, prender em flagrante um homem, em virtude do cometimento do crime de lesão corporal qualificada no contexto da Lei Maria da Penha. O preso, que é vereador da cidade, teria agredido a namorada.

Após tomar conhecimento de que a vítima havia sido lesionada, os policiais civis encaminharam a mesma a uma unidade hospitalar da cidade para realizar o exame de corpo de delito, onde foi constatada a lesão qualificada.

De posse dessas informações, os investigadores conseguiram localizar e prender o vereado. 

O agressor foi encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

sexta-feira, 14 de junho de 2024

Estudantes serão desafiados a criar soluções inovadoras durante Feira do Empreendedor

Uma imersão na resolução de problemas locais, a Jornada vai reunir estudantes, professores e empresas durante o evento. A Feira do Empreendedor acontece em Balsas, de 27 a 30 de junho.

Com uma programação focada em três eixos – Inovação, Conexões Corporativas e ESG, a Feira do Empreendedor 2024, que o Sebrae realiza em Balsas, terá como um dos grandes destaques a Jornada de Inovação, uma novidade desta edição.

Trata-se de uma competição, envolvendo professores e alunos universitários, que serão desafiados ao longo dos quatro dias da Feira para propor soluções inovadoras para problemas e dores das empresas e da realidade local.

O objetivo é contribuir para fomentar a inovação, apostando nesse tema como suporte para o desenvolvimento empresarial do Cerrado Sul maranhense. E isso, gerar projetos e ideias que possam se transformar em negócios. Como legado, a Jornada vai estimular a criação de pelo menos dez startups novas na região.

“A proposta é fazer da Feira do Empreendedor um ambiente de fomento aos negócios inovadores conectados com a realidade local e os eixos do Ecossistema de Inovação de Balsas (logística, turismo, agronegócio e tecnologia da informação), mas também a grandes empresas e ao comércio, contemplando desafios oriundos do programa Cidade Empreendedora, que atua fortemente no município”, explica Celso Gonçalo, presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae.

Conhecimento e tecnologia para alavancar inovação no Cerrado Sul

Estudos do Sebrae apontam que a inovação passou a ser requisito para a sobrevivência de pequenas empresas e dos negócios tradicionais. Em mercados altamente globalizados e competitivos, é preciso que as empresas saibam como utilizar a inovação para continuar crescendo.

César Guimarães, gerente de Inovação e Tecnologia do Sebrae Maranhão avalia que hoje, as empresas que desejarem se manter competitivas precisam estar atentas a esse cenário. “É preciso pensar na adaptação, conhecer as ferramentas e promover uma cultura organizacional que abrace a inovação, tanto nas empresas nascentes como nas tradicionais, cultivando o aprendizado constante. Tudo isso é essencial para quem deseja se diferenciar e aproveitar oportunidades de expansão em um território como Balsas”, frisa o gerente.

Inovação para sustentar o desenvolvimento empresarial

A Feira do Empreendedor 2024 acontece em um momento em que a inovação se firma em Balsas e região, a partir da estruturação do Ecossistema Local de Inovação, apoiado pelo Sebrae. O Ecossistema reúne agentes públicos, entes da iniciativa privada, instituições de fomento, de ensino e pesquisa, entre outros,

Após essa etapa, outras ações importantes foram realizadas, como a elaboração do Plano de Trabalho do Ecossistema, a participação destacada da iniciativa como finalista do Prêmio Nacional de Inovação 2023, na categoria Ecossistema de Pequeno Porte, além do Cocreation Lab e o Balsas Summit, entre outras. Atualmente, Balsas conta com uma agência de desenvolvimento e inovação, tornando-se um polo promissor para novos negócios.

Desse movimento nasceram negócios como a startup Eurekia, comandada por Jadson José, que atua em Balsas trabalhando com soluções de inteligência artificial e na análise de dados. O negócio foi pensado para atender necessidades das empresas locais, ajudando a popularizar essas ferramentas, que contribuem para tornar mais eficiente a gestão dos negócios em geral.

“Os micro, pequenos e médios empreendedores começam a ver que a tecnologia é um facilitador  e otimizador de processos, antes feitos de forma manual. O uso da inteligência artificial, da inteligência de dados abre caminhos para tornar a gestão mais eficiente. Então, esse cenário de negócios é muito promissor e a Feira do Empreendedor será uma grande vitrine de inovação”, destaca Jadson José.

Etapas de uma Jornada desafiadora

A Jornada de Inovação da Feira do Empreendedor 2024 contempla quatro eixos: o uso de inteligência artificial, tecnologias sustentáveis, educação 4.0 e ESG.

Terá desafios propostos aos estudantes universitários e apresentações de pitches para defesa das soluções propostas, para uma banca composta por especialistas.

As três melhores soluções receberão aporte financeiro para tirar suas ideias do papel e transformá-las em negócios. A melhor solução receberá R$ 10 mil como prêmio.

Semana passada, professores de instituições acadêmicas da cidade participaram da etapa preparatória da Jornada, em ação realizada na Unidade de Negócios de Balsas. Esta semana, foi a vez dos estudantes inscritos iniciarem os trabalhos de preparação prévia.

A programação da Jornada de Inovação inclui também palestras e debates sobre tendências em inovação tecnológica e estratégias de negócios, além de iniciativas do Sebrae de apoio à inovação. Além disso, a Arena de Inovação da Feira do Empreendedor vai contar, ainda, com exposição de startups do Cerrado Sul, destacando programas de inovação do Sebrae, como o Agente Local de Inovação (ALI), Sebraetec e ações da Educação Empreendedora.

Realização — A Feira do Empreendedor 2024 é uma iniciativa do Sebrae Maranhão, que tem como patrocinadores já confirmados o Governo do Estado, Prefeitura de Balsas, Ceape, Vale e SENAR, e como apoiadores a FIEMA (Sesi e Senai), Banco do Brasil e Mix Mateus.
quinta-feira, 13 de junho de 2024

BURITICUPU: Corregedoria apresenta metas e estratégias durante inspeção em comarcas


"Nós estamos buscando sair de um trabalho puramente mecânico, em que vamos sendo levados pela correnteza para ver o que acontece no final. Agora, nós estamos fazendo um trabalho de inteligência, com os dados a nosso favor, para sairmos da situação que encontramos", foi com esta afirmação à juíza Martha Dayanne Schiemann, em Arari, que o corregedor-geral de Justiça, desembargador José Luiz Oliveira de Almeida, iniciou mais uma semana de inspeções em comarcas do Estado. 

A semana itinerante começou na segunda-feira (10) nas comarcas de Arari, Monção, Pindaré-Mirim e Santa Inês, prosseguindo na terça-feira (11) em Santa Luzia, Buriticupu e Açailândia. As inspeções se encerram na próxima sexta-feira (14) em Imperatriz, com visitas a outras comarcas da Região Tocantina.

Durante a profissão de fé, como costuma falar durante as visitas, o corregedor tem apresentado sua linha de gestão, as metas e estratégias estabelecidas para os próximos dois anos, com o objetivo principal de melhorar os índices de produtividade do 1º grau de jurisdição.

Em diálogo com magistrados(as) e servidores(as), o desembargador explicou que a gestão não realizará mais mutirões nem deslocará grandes equipes para atuar em unidades isoladas. A partir da extração, análise e acompanhamento de dados, a Corregedoria atuará em processos específicos parados há mais tempo, com o suporte do Núcleo de Apoio às Unidades Judiciais (NAUJ) e equipes da CGJ-MA. 

As reuniões também permitem que magistrados(as) e servidores(as) apresentem demandas e necessidades das comarcas, como questões estruturais e de pessoal, que serão mediadas junto à Presidência.

PRODUTIVIDADE E RECONHECIMENTO

Entre Arari e Monção, o corregedor acompanhou parte do trabalho extraordinário realizado na comarca de Vitória do Mearim pelo juiz Thadeu de Melo Alves e sua equipe, visando apoiar e impulsionar o andamento dos processos da unidade. A comarca já havia sido visitada e submetida a correição na última itinerância da Corregedoria.

Na Região do Pindaré, com os juízes Raphael Leite Guedes (4ª Vara de Santa Inês e respondendo por Monção), Ivna Cristina de Melo Freire (1ª Vara de Santa Inês e respondendo pela 2ª Vara), Samir Araújo (Juizado Cível e Criminal) e Humberto Alves Júnior (Vara Única de Pindaré-Mirim), o corregedor destacou a importância de reconhecer e prestigiar as unidades e magistrados(as) que cumprem as metas e se destacam pela produtividade.

Por essa razão, no último dia 5, a Corregedoria realizou um sorteio entre unidades judiciais que cumpriram as Metas 2 e 4, transmitido pelo Instagram da CGJ-MA, para participação em um curso fora do Estado. “Precisamos valorizar os colegas mais produtivos. Não existem mais passagens aéreas e viagens para magistrados que não estão produzindo adequadamente. É uma forma de valorizar democraticamente quem está trabalhando, seja no interior ou na capital”, explicou.

A juíza Ivna de Melo destacou o trabalho prévio do NAUJ antes da visita do corregedor e parabenizou a iniciativa do sorteio. “Agradecemos a visita e atenção do corregedor. O NAUJ já entrou em contato conosco e já separamos os processos indicados. Estamos fazendo o possível para contribuir com a Corregedoria e parabenizamos a escolha democrática da participação de juízes em eventos, realmente, uma ótima iniciativa", afirmou.

Em Buriticupu, recepcionado pelo juiz Flávio Fernandes Gurgel (1ª Vara) e juíza Urbanete de Angiolis (2ª Vara), o desembargador anunciou que está em andamento um projeto de premiação da Corregedoria em reconhecimento às unidades judiciais mais produtivas, que será lançado em breve. As unidades poderão ser classificadas como Ouro ou Diamante, com critérios que permitam uma avaliação justa, considerando a realidade de cada tipo de comarca.

Em Açailândia, os(as) servidores(as) e as juízas Vanessa Machado Lordão (1ª Vara Cível) e Selecina Henrique Locatelli (2ª Vara Criminal e respondendo pela 1ª Vara Criminal), junto com os juízes Paulo do Nascimento Júnior (2ª Vara da Família) e Alessandro Arrais Pereira (Juizado Cível e Criminal e respondendo pela Vara da Fazenda Pública), apresentaram suas demandas à Corregedoria, incluindo a necessidade de padronização de mandados, parcerias com a Defensoria Pública e Ministério Público para o correto cadastramento de endereços e efetivo cumprimento de diligências, provimento de varas e outras questões.

As visitas continuam ao longo da semana na Região Tocantina, incluindo Montes Altos, Amarante, João Lisboa, Senador La Rocque e Imperatriz, onde ocorrem, paralelamente, correições em algumas dessas comarcas, coordenadas pela juíza auxiliar Lavinia Coelho.

Assessoria de Comunicação
Corregedoria Geral da Justiça 

Bom Jesus das Selvas: em operação conjunta, PM e PC efetua prisão em flagrante de três pessoas.

Na manhã desta quinta-feira (13) em Bom Jesus das Selvas a Polícia Civil e Polícia Militar em operação conjunta, efetuamos a prisão em flagrante de três pessoas e cumprimos o mandado de internação provisória dos nacionais K.S.J.da S, S.P.P.J. e W.E.F. 
"Nesta manhã, também cumprimos mandado de internação provisória expedido pela juíza Urbanete Angiolis, titular da 2ª Vara da comarca de Buriticupu e prendemos, também, em flagrante os envolvidos por tráfico de drogas, posse de arma de fogo, associação para o tráfico e corrupção de menores" relatou Dr Francildo Correia delegado chefe da operação.
Segundo o delegado, o menor, conhecido como Kauãzinho, teria cometido cinco tentativas de homicídio em menos de dois meses e o cumprimento de internação provisória é referente a uma dessas tentativas. 
"Os ergastulados serão encaminhados ao sistema prisional e ficarão à disposição da Justiça". Finalizou Dr Francildo.
quarta-feira, 12 de junho de 2024

Central de mandados da Comarca de Santa Inês celebra um ano de operações


A unidade foi pioneira e atualmente conta com uma equipe de oito oficiais, além da chefe da central de mandados e mais três servidoras

nstalada em tempo recorde, a Central de Mandados da Comarca de Santa Inês comemorou, no último dia 22, um ano de funcionamento. A unidade foi pioneira e atualmente conta com uma equipe de oito oficiais, além da chefe da central de mandados e mais três servidoras.


Na comemoração, o juiz diretor Raphael Guedes parabenizou toda a equipe e reconheceu os esforços do grupo para oferecer um trabalho de excelência, buscando celeridade, eficiência e empatia, que se traduziram em números expressivos, especialmente considerando o quadro deficitário de oficiais de justiça diante da grande demanda na Comarca de Santa Inês.


Ao longo de um ano, foram cumpridos 12.882 expedientes, incluindo prisões cíveis, buscas e apreensões, e citações internacionais, além da realização de 16 sessões do tribunal do júri.


A equipe é composta pelos diretores Raphael Leite Guedes e Samir, e pelos oficiais de justiça da Comarca de Santa Inês: Chrystian Belicha, Jairo Sousa, Marjory Pimenta, José Wilame, Raimundo Campos, Raquelma Carla, Tatiana Coelho e Wilson Moura. Além da chefe da Central de Mandados da Comarca de Santa Inês, Teresa Cristina dos Santos Soares. 


INSTALAÇÃO


Com o Provimento nº 18/2023 de 16/05/2023, da Corregedoria Geral de Justiça, que instituiu a criação das Centrais de Mandados em todas as comarcas intermediárias do Estado do Maranhão, a Comarca de Santa Inês foi pioneira na instalação em tempo recorde.


A Central de Santa Inês também foi uma das primeiras a participar do treinamento oferecido pela Corregedoria e ministrado pelo coordenador da Central de Mandados da Ilha de São Luís, Charles Glauber da Costa Pimentel, com o tema “As Centrais de Mandados como Instrumento de Gestão Eficaz”.

Através da Portaria 2285/2023, assinada conjuntamente pelos juízes Alexandre Antonio e Raphael Leite Guedes, diretor e diretor substituto, foi instalada a Central de Mandados em Santa Inês, que iniciou seus trabalhos em 23 de maio de 2023.

Assessoria de Comunicação

Corregedoria Geral da Justiça

Perfil

JO DIVULGAÇÕES,
BURITICUPU-MA:
jodivulgacoes@hotmail.com
(098)98114-8097

Facebook

PUBLICIDADE